E-Civil: Descomplicando a engenharia
Você está em: E-Civil » Artigos Técnicos

A falta de planejamento das pequenas empresas na construção civil

Muitas obras executadas no Brasil por pequenas empresas, são realizadas de forma artesanal, ou seja, sem planejamento de execução e custo, sem garantia do cumprimento do prazo previamente estabelecido e sem a estimativa de custo total da obra. Esse problema que já é freqüente a muitos anos na construção civil, se agrava e é bem visível nas obras públicas de pequeno porte e até mesmo nas de grande porte, que geralmente estão envolvidas em rede de corrupção, nas obras de pequeno porte a falta de planejamento e controle das pequenas empresas contratadas e a falta de fiscalização das pequenas prefeituras, acarretam em obras deficitárias e/ou inacabadas.

A falta de planejamento dessas pequenas empresas é um dos principais fatores de causa da sua curta duração no mercado da construção civil, essas empresas fogem do planejamento por acharem ser mais fácil dirigir o presente do que pensar no futuro, dessa maneira, por exemplo, os serviços passam a ter uma seqüência ou uma rotina diária de improviso e indeterminação, saindo de uma programação ou de um cronograma previamente elaborado para a obra.

Todos esses fatores geram incerteza de prazo, de custo e de garantia da qualidade final do serviço. Outro fator que pode ser considerado é o fator humano envolvido em cada fase do serviço, a falta de treinamento e incentivo da mão-de-obra, afetam diretamente na produtividade e na qualidade do serviço e aumenta o tempo de execução e os custos. Portanto "A obra não é o dia a dia e sim o planejamento do dia".

O planejamento permite:

  • definir a organização para execução dos serviços;
  • tomar decisões;
  • alocar recursos;
  • integrar e coordenar esforços e conhecimentos de todos os envolvidos;
  • garantir a comunicação entre os participantes da obra;
  • conscientizar a todos sobre prazos, custos e qualidade referentes a obra;
  • definir a hierarquia dentro e fora da obra;
  • criar bancos de dados, composições e parâmetros de controle e custo;
  • definir diretrizes para o projeto.

O planejamento é vital para uma empresa realizar as suas metas e si firmar no mercado, as pequenas empresas da construção civil devem desenvolver um plano de trabalho que vise não só os lucros, mas sim o planejamento correto de suas atividades dentro e fora do canteiro de obras, as planilhas orçamentárias e os cronogramas, devem ser elaborados dentro uma realidade estimada de acordo com a obra, as empresas devem desenvolver planos de investimento em treinamento, capacitação e apoio técnico, tudo isso de forma que se enquadre dentro da realidade financeira da empresa.

Engenheiro Civil João Bosco Vieira da Silva
joaobosco.ecivilnet@gmail.com

Artigos relacionados

A marca da sua empresa na mente do consumidor
Há algumas semanas encontrei um grande amigo que não via há anos. Esses encontros são sempre muito peculiares, engraçados e surpreendentes...

Cálculo do custo horário de equipamentos
Considere uma retroescavadeira que trabalha em condições médias, sabemos que seu valor de aquisição é de R$ 150.380,00, a taxa de juros anual é em torno de 12,31%, a retroescavadeira têm potência de 74 HP e trabalha com óleo diesel...

A realidade da engenharia de custos no Brasil
Infelizmente hoje no Brasil não temos o uso perfeito da engenharia de custos dentro das obras públicas, ciência de fundamental importância para o desenvolvimento...

Valiosas dicas para a sua empresa
Muitos leitores dos meus artigos têm me indagado sobre como aumentar as vendas em suas empresas ou como divulgar melhor sua marca...

A sistemática do projeto como empreendimento
Ao se projetar, o projetista, têm o objetivo de tornar concreto tudo aquilo que projetou, visando atender uma parcela da sociedade ou classe social...

Comentários

Assessoria
Boa tarde! Estou querendo desenvolver um projeto de construção civil na edificação de 04 sobradinhos germinados em um terreno que tenho em Goiânia, mas não sei quase nada sobre o assunto. Não gostaria de contratar um empresa porque acredito que fica mais caro do que administração própria. Sou trabalhadora e é muito difícil começar uma tarefa sem ter o devido conhecmento técnico. Preciso saber sobre tributação para a atividade Incorporadora e construção civil. Meu projeto já está em fase final na prefeitura de Goiânia, e eu gostaria de saber por onde começar. Pode m indicar uma assessoria? Aguardo, Leila

Comentado por LEILA APARECIDA DE MELO em 2013-10-23 17:06:39

A Falta do Planejamento
A Falta do planejamento hoje é a maior causa dos negócios frustrados do mercado, muitas empresas visa somente em fazer o marketing e esquece do restante do orçamento. O planejamento é vital para uma empresa realizar as suas metas e si firmar no mercado, as pequenas empresas não só da parte de construção civil mas em todo segmento devem desenvolver um plano de trabalho que vise não só os lucros, mas sim o planejamento correto de suas atividades dentro e fora da empresa, as planilhas orçamentárias e os cronogramas, devem ser elaborados dentro uma realidade estimada de acordo com a estrutura e elas devem desenvolver planos de investimento em treinamento, capacitação e apoio técnico, tudo isso de forma que se enquadre dentro da realidade financeira da empresa.

Comentado por Elizângela Fernandes da Cruz em 2011-08-29 15:44:59

Qual a melhor forma de contratar profissionais na área da c
1) Os profissionais nesta área precisam ser registrados em carteira ou posso apenas elaborar um contrato firmado individualmente? 2) Qual o valor investido para iniciar a abertura de uma pequena empresa de construção civil? 3) Pode me informar tabelas de salários dos profissionais desta área desde ajudante de pedreiro. 4) Como analisar o orçamento de uma obra ( casa ou prédio ) e quem pode faze-lo além do engenheiro?

Comentado por valeria ferreira dos santos em 2011-08-07 21:03:09

Deixe o seu comentário!


(não será publicado)



Pesquisar
Últimas do Fórum
Livros recomendados